DESIGNAÇÃO: LEMALaboratório de Ensino de Matemática

CARATERIZAÇÃO: No centro da atividade da escola inclusiva estão o currículo e as aprendizagens dos alunos. Adequar o processo de ensino às características e condições individuais de cada aluno é essencial, assim como, criar mecanismos na área científico/pedagógica de forma a que todos alcancem as aprendizagens essenciais definidas para a disciplina de Matemática no ensino básico. Por outro lado, numa visão mais alargada, tivemos também em conta o conjunto de ações relacionadas com a prática docente, protagonizadas pelo “Perfil do aluno no final da escolaridade obrigatória”, onde a abordagem dos conteúdos é essencial para a aprendizagem dos alunos.

Atualmente vivemos tempos em que a mudança está sempre a acontecer a um ritmo cada vez maior, sejam os interesses, os valores, as competências essenciais, formas de socialização, etc. Neste contexto, também o ensino/aprendizagem “reivindica” por mudanças, por encontrar diferentes modelos e práticas pedagógicas que cativem a atenção dos alunos, numa dinâmica inclusiva e abrangente, proporcionando mais saberes tanto científicos como culturais que contribua para que os nossos jovens sejam cidadãos mais realizados e felizes. Para os professores esta não é uma tarefa fácil e exige um novo pensar, uma nova organização, novos instrumentos, novas abordagens e muito tempo e reflexão. Nesta realidade, a necessidade da criação de uma equipa de professores que facilite de alguma forma esta mudança, dando suporte e apoio a vários níveis, neste caso, aos professores de matemática, parece-nos muito pertinente, assim como um local específico para que os profissionais desempenhem o seu trabalho e dê visibilidade física a este projeto, um Laboratório de Ensino de Matemática, o LEMA. Pretende-se que este seja um espaço de trabalho com recursos para criação e desenvolvimento de atividades experimentais, inclusive produção de materiais, tanto para os professores como para os alunos, onde todos possamos questionar, conjeturar, procurar, experimentar, analisar e concluir. Queremos com as atividades práticas produzidas, estruturar, organizar, planificar e fazer acontecer o pensar matemático, tornando a matemática mais compreensível e acessível aos alunos.

OBJETIVOS:

Explorar novas metodologias e estratégias de ensino, assim como dinamizar ações e atividades que facilitem o ensino/aprendizagem da matemática, numa perspetiva mais condicente com os interesses e expectativas atuais dos alunos.

EQUIPA DE PROJETO: Ana Soveral, Mª da Purificação Milheiro e Cristina Ribeiro